Quanto seu salário aumenta se você souber falar inglês? Descubra aqui

0

Pesquisas recentes confirmam que falar inglês fluentemente pode, sim, aumentar o seu salário. O domínio da segunda língua, especialmente o inglês, aliado à capacidade de usá-la com responsabilidade no ambiente de trabalho, pode fazer o salário de alguns cargos subir em mais de 60%.

E se você acha que a informação não condiz com a realidade, ou desconfia de que os salários não podem subir assim, como num “passe de mágica”, a gente te explica o porquê de haver uma valorização tão grande dos profissionais que falam inglês fluentemente. A razão é bem simples: o número de pessoas que fala inglês fluente é tão baixo no Brasil, que, para atrair profissionais com esta característica, as empresas elevam a drasticamente a renumeração oferecida.

Agora, se você pensa que aprender a falar inglês pode ser a chave para o sucesso, tenha em mente que, para alguns cargos, as empresas já consideram o inglês como um requisito básico. Neste caso, dominar a língua pode significar entrar ou não em um processo seletivo. Portanto, garantir o domínio da língua inglesa, dependendo da sua área de atuação, passa a ser obrigatório. 

Quanto posso ganhar a mais?

A Catho, empresa nacional de classificados de empregos, realiza pesquisas sobre perfis de cargos regularmente. Seus dados mostram que, dependendo do nível hierárquico, a diferença de salário resultante da capacidade do funcionário de se comunicar fluentemente em inglês pode chegar a 70%

Conheça as carreiras que requerem inglês

empregos

Agora que você já sabe que aprender inglês pode engordar não apenas seu conhecimento, mas também seu bolso, precisa entender que certas carreiras encontradas no Brasil e no mundo praticamente requerem fluência no idioma. Ou seja, caso você decida fazer uma faculdade para seguir alguma dessas áreas, é bom começar a estudar a língua inglesa desde cedo. Também de acordo com a Catho, eis os setores onde ser bilíngue é (quase) obrigatório:

Engenharia

Não há como fugir de manuais estrangeiros ao cursar engenharia. Salário: a partir de R$ 5.000.

Tecnologia da informação

As linguagens de programação são baseadas no inglês, o que requer um entendimento de nível médio a avançado. Salário: a partir de R$ 2.800

Administração

Muitas empresas de sucesso vêm de países falantes da língua inglesa. Para diferenciar-se dos demais, aprenda o idioma. Salário: a partir de R$ 2.900.

Marketing

Se até o nome do curso está em inglês, é melhor se preparar para encontrar vários termos técnicos em outra língua. Salário: a partir de R$ 2.000.

Comunicação

Para reportar as novidades ao Brasil, muitos comunicadores recorrem a fontes em inglês. Sem essa compreensão, você provavelmente não irá muito longe. Salário: a partir de R$ R$ 2.000.

Turismo

Inglês é a língua universal. Quem trabalha com pessoas de todos os lugares do mundo precisa saber falar a língua. Salário: a partir de R$ 1.500.

Comércio exterior

Profissionais formados em comércio exterior devem dominar a língua inglesa para que negócios sejam concluídos com sucesso. Comunicação é a chave de tudo. Salário: a partir de R$ 2.000.

Finanças

Estudantes de finanças provavelmente já notaram que quase tudo está ligado ao dólar, direta ou indiretamente. Aqui, inglês também é um must. Salário: a partir de R$ 2.200.

Relações públicas

Quem é da área de relações públicas entra em contato frequente com ferramentas e equipes de outros continentes.Inglês é o elo de ligação. Salário: a partir de R$ 2.000.

Ciências

No meio acadêmico, muitos relatórios de alta qualidade estão em inglês. Isso sem falar no famoso abstract, o resumo na língua inglesa de pesquisas, teses, etc. Salário: a partir de R$ 2.200.

DEIXAR COMENTÁRIO

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui