Falha no WhatsApp deixa vulneráveis todos os seus 1,5 bilhão de usuários

0

O WhatsApp anunciou na noite desta segunda-feira (13) que descobriu uma vulnerabilidade em sua plataforma, o que deixava aberta uma brecha de segurança para ataques de hackers no mensageiro. A companhia solicitou a todos os seus usuários que atualizem o aplicativo — tanto no Android quanto no iOS.

De acordo com o site estadunidense Financial Times (FT), que revelou a falha no mensageiro, a vulnerabilidade em questão permite que invasores utilizem um spyware comercial possivelmente desenvolvido pela empresa israelense NSO Group capaz de roubar dados e informações de um aparelho, além de monitorar câmera e microfone.

Ainda conforme a publicação, a instalação do spyware se dá por meio de uma chamada telefônica feita para o aparelho-alvo mesmo que ela não seja atendida. Além disso, esta chamada não some dos registros do aplicativo, o que torna a sua atuação ainda mais silenciosa.

Atualize já

Em comunicado enviado à agência de notícia Reuters, a empresa fez um apelo para que todos os seus 1,5 bilhão de usuários atualizem o aplicativo.

“O WhatsApp encoraja as pessoas a atualizarem para a versão mais recente de nosso aplicativo, bem como manterem o sistema operacional de seu celular atualizado para proteção contra potenciais ataques direcionados a comprometer as informações armazenadas em dispositivos móveis”, informou um porta-voz.

DEIXAR COMENTÁRIO

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui